A evolução para cada distância na corrida

A corrida é uma atividade de resistência e impacto, por isso, é necessário que se tenha o acompanhamento e treinos adequados para que não ocasione em lesões. Esse esporte te proporciona a sensação de liberdade e um grande fortalecimento dos músculos do corpo todo, além de promover o condicionamento físico que você almeja. Além disso, a corrida traz diversos benefícios para a saúde, como:

  • Aumento o fluxo de sangue para todo o corpo, melhorando a oxigenação dos tecidos e a eficácia do coração;
  • Melhora a capacidade respiratória;
  • Aumenta a densidade óssea, estimulando a formação de massa e evitando a osteoporose;
  • Aumenta os níveis de serotonina, neurotransmissor que regula o sono e o apetite (baixas quantidades dessa substância estão relacionadas à depressão);
  • Diminui os níveis de colesterol ruim (LDL). Corredores de longas distâncias têm o nível mais alto de colesterol bom (HDL), encarregado de transportar os ácidos graxos no sangue e de evitar o seu depósito nas artérias;
  • Diminui o estresse, liberando o hormônio cortisol.

Prática da corrida

A corrida pode ser praticada por qualquer pessoa, porém é necessário que o indivíduo leve algumas pautas em consideração, como:

  • O estado nutricional;
  • A hidratação;
  • O nível de condicionamento;
  • As doenças que o indivíduo possui;
  • Os medicamentos usados;
  • As limitações físicas.

Caso algumas dessas estejam pendentes, é preciso consultar um médico, e iniciar da forma adequada para a sua necessidade. 

Etapas para o treino de corrida

 

Comece com distancias menores

Como já mencionado, a corrida é um esporte que exige treino e motivação, para iniciar esse percurso é necessário que você receba as orientações de um especialista, comece com treinos de fortalecimento muscular, aprenda as técnicas e reconheça os seus limites. Após você ter feito o reconhecimento do esporte e dos seus limites comece a aumentar a intensidade dos treinos aos poucos, levando sempre em consideração o que o seu corpo está dizendo. Comece com uma corrida de 5km, depois de atingir essa marca sem muito esforço tente diminuir o tempo, depois passe para 10km, sempre seguindo a mesma linha, nunca vá além do que o seu corpo aguenta, pois pode ser perigoso, podendo ocasionar lesões irreversíveis e sempre procure um especialista para te auxiliar. 

 

Adquira experiência técnica

Ao passar por provas menores você irá começar “pegar o jeito”, e terá mais facilidade em fixar melhor conceitos técnicos. Isso acontece por conta da característica dos treinos que estimulam adaptações neuromusculares, fisiológicas e biomecânicas importantes. Além de te proporcionar a oportunidade de adquirir experiência tática, que seria basicamente criar uma estratégia, e saber quando correr com mais intensidade, quando desacelerar e o ritmo que você deve estabelecer, isso é imprescindível para uma corrida

 

Faça testes

A evolução gradual no mundo da corrida também é importante para que você faça testes, na alimentação, intensidade dos treinos, nas diferentes pistas de corrida, entre outros. Isso irá te proporcionar um melhor desempenho sem desgastes desnecessários, e principalmente evitando lesões e estabelecendo uma boa saúde.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *